Registo  |  Pedidos  |  Login

  
  

A escolha do vinho

Quanto aos vinhos portugueses, um mercado tão vasto e diversificado, com tantos produtos de elevada qualidade, deixámos ao critério de cada um, a escolha, pelo preço e nota do vinho, dentro de cada produto/categoria (Verde, Branco, Tinto, Rosé, Espumante, Madeira, Porto ou Moscatel). Mediante esta escolha a Deli Portugal, tratará de selecionar e enviar um vinho dentro do padrão escolhido (tipo, nota e preço) que pode ser de qualquer produtor ou região de Portugal, ou de uma determinada região (Verdes, Madeira, Moscatel e Porto) mas de produtores diferentes desde que corresponda aos requisitos de escolha (tipo,nota e preço).
Esta seleção está fundamentada numa extensa pesquisa de vinhos premiados e de qualidade superior acima dos 15 valores ou 86 pontos (20/100) para todos os tipos de vinho (Verdes, Brancos, Tintos, Rosés, Espumantes, Madeira, Moscatel, licorosos e Porto) premiados, medalhadose nomeados em rankings a nível nacional e internacional Concours Mondial de Bruxelles, Internationales Vinalies, 50 melhores vinhos portugueses no UK e USA, Wine Masters Challenge, International Wine Awards, Decanter World Wine Awards, melhores do ano, revista de vinhos, entre outros)  cruzando com notas de prova de enólogos ou críticos de vinho para que o vinho que lhe irá chegar corresponda e supere as expectativas, com a maior confiança. 
Encontramos neste formato uma forma de diversificar a oferta e fomentar a experiência na prova de vinhos de diferentes regiões de Portugal, com confiança e de uma maneira surpreendente e enriquecedora, em aromas e sabores num compromisso entre tradição e inovação, castas nativas, vinhos de lote e rigor enológico, que tem feito os vinhos portugueses tão bem sucedidos.
 
Classificações dos vinhos:
15-15,5/20 ou 86-89/100 pontos: Vinhos bem feitos, muito agradáveis de beber e de preço reduzido.
16-17,5/20 ou 90-94/100 pontos: Vinhos muito bons, de personalidade vincada, com um bom equilibrio.
18-18,5/20 ou 95-96/100 pontos: Vinhos excelentes de grande afinação, cheios de carácter que impressionam os sentidos.
19-20 ou 97-100 pontos: Grandes vinhos de elevada qualidade, sofisticados e poderosos. Vinhos de classe mundial.
Este critério é atribuido a vinhos de todas as regiões de Portugal que vamos selecionando a cada momento dependendo da disponibilidade dos produtores. Pode ser escolhida qualquer região ou marca desde que esteja dentro do escalão comercial indicado respeitando a classificação/valor e o tipo de vinho escolhido​.
​​
Para um melhor entendimento das regiões vitivinícolas, apresentamos em baixo, o mapa de Portugal com a delimitação das 29 regiões com Denominação de Origem Controlada (D.O.C.). e as 14 regiões com Identificação Geografica (I.G.) .

 

Para além das DOC e IG, a Indicação de Proveniência Regulamentada (I.P.R.) é a designação atribuída a vinhos que, embora gozando de características particulares, terão de cumprir todas as regras estabelecidas para a produção de vinhos de grande qualidade durante um período mínimo de cinco anos para poderem, então, passar à classificação de DOC existem ainda, outras designações rotuladas através da nomenclatura comunitária adoptada após a adesão à UE:
VQPRD: Vinho de Qualidade Produzido em Região Determinada. Esta designação engloba todos os vinhos classificados como DOC (Denominação de Origem Controloda) e IPR (Indicação de Proveniência Regulamentada).
VLQPRD Vinho Licoroso de Qualidade Produzido em Região Determinada
Existe também nomenclatura aplicável aos vinhos licorosos e espumantes:
VEQPRD Vinho Espumante de Qualidade Produzido em Região Determinada
VFQPRD Vinho Frisante de Qualidade Produzido em Região Determinada
Vinho Regional, classificação dada a vinhos de mesa com Indicação Geográfica. Vinhos produzidos em determinada região, cujo nome adotam, elaborados com uvas provenientes, no mínimo de 85%, da mesma região e de castas identificadas como recomendadas e autorizadas, sujeitos também a um sistema de certificação.

A venda de bebidas alcoólicas é proibida a menores de 21 anos. Dirigir sob a influência de álcool configura delito, passível de sanção. Beba com responsabilidade.