Registo  |  Pedidos  |  Login

  
  
 Imagens Tinto 16/20 or 90/100 pts 0.75l

  • Imagens Tinto 16/20 or 90/100 pts 0.75l
  • Imagens Tinto 16/20 or 90/100 pts 0.75l
  • Imagens Tinto 16/20 or 90/100 pts 0.75l
  • Imagens Tinto 16/20 or 90/100 pts 0.75l
     
Pin It


Tinto 16/20 or 90/100 pts 0.75l

Preço: 13,50 €

Disponível

O preço inclui taxas, o preço não inclui o custo da entrega.

A nossa seleção de vinhos tintos de Portugal com a garantia de nota de prova de 16/20 ou 90/100 pontos ♦

Portugal é hoje, claramente visto como o “novo, do velho mundo vitivinícola” mantendo toda a sua forma, arte e métodos de produção do vinho, com caracteristicas que sobressaiem, como o domínio da técnica doblend, em produção de vinhos de lote, combinando diferentes castas, onde a aplicação do profundo conhecimento cientifico e da experiência é essencial em contraponto aos vinhos monovarietais mais vendáveis e muito comuns no “novo mundo vitivinícola”. A sábía preservação de inúmeras castas autóctones de consistente qualidade, contrariando  a tendência global fez de Portugal o país com a maior diversidade de castas por hectare, ganhando ainda mais expressão com a grande diversidade climática que Portugal possui e que faz um vinho da mesma casta ter caracteristicas distintas em regiões diferentes.
Por todos estes elementos conjugados se pode afirmar que Portugal possui vinhos supreendentes, a um bom preço/qualidade e de terroir.

Atualmente estão reconhecidas e protegidas, na totalidade do território português, 32 Denominações de Origem e 10 Indicações Geográficas.

As castas Tintas mais utilizadas: Tinta Roriz/Aragonês, Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Amarela/Trincadeira, Castelão, Alfrocheiro, Água-Santa, Alicante Bouschet, Baga, Bastardo, Borraçal, Jaen, Moreto, Espadeiro, Moscatel Galego Roxo, Tinta Barroca, Tinta Miúda, Tinto Cão, Vinhão.

O guia para as regiões vinícolas de Portugal da Wineanorak, dá-nos uma noção mais simples e útil de divisão das regiões vinícolas de Portugal, dizendo: é mais prático dividir Portugal continental em dois, traçando uma linha de cerca de um terço de norte a sul do país, separando as regiões do norte do Douro, Dão e Bairrada, e as regiões central e sul do Alentejo, Ribatejo e Estremadura, generalizando que, o futuro para as regiões do norte foca-se nos vinhos de alta qualidade, topo de gama 'terroir', enquanto que a força das regiões sul e centro está na sua capacidade de produzir vinhos muito agradáveis a preços mais acessíveis com grande sucesso:  são novos vinhos de estilo marcadamente Português.

Ao selecionar este vinho obterá um vinho Tinto, com nota de prova de 16/20 ou 90/100 pontos, de uma destas regiões vinícolas de Portugal.​

As imagens dos produtos são meramente ilustrativas.

História

Repleto de simbologia, fundamentado no direito romano e na religião cristã, o vinho vinca bem o seu papel cultural na sociedade dita ocidental, como mais nenhum outro produto da agricultura que seja fruto do trabalho do Homem.

Roma foi o destino das primeiras exportações do vinho Português mas as exportaçoes mais modernas desenvolveram-se com as trocas comerciais para o Reino Unido e o Tratado de Methuen, também referido como Tratado dos Panos e Vinhos, assinado entre a Grã-Bretanha e Portugal, em 1703.

As primeiras vinhas da Peninsula Ibérica, foram plantadas no vale do Sado e do Tejo, há cerca de 2000 anos A.C., pelos Tartessos. Os Fenícios introduziram novas castas de uvas e tomaram conta do comércio do vinho, no século X A.C. Os Gregos desenvolveram a cultura da vinha e trouxeram progressos nos métodos de fazer o vinho e os Celtas contribuíram com novas castas de uvas, mas a grande modernização da vinha e utilização do vinho terá vindo com os romanos em II A.C.Foi com a conquista da totalidade do território português aos mouros, em 1249, com o rei D. Afonso III, que se instalaram ordens religiosas e militares, por extensas regiões do país criando centros de colonização agrícola, alargando assim as áreas de cultivo da vinha.

O vinho foi desde sempre um dos produtos mais exportados em Portugal. No período da expansão Portuguesa, as naus e galeões, carregavam vinho português que era comercializado nos outros países, estimulando o aumento das exportações de vinho entre os séculos XV e XVIII.

Em meados do século XVI, Lisboa já era o maior centro de consumo e distribuição de vinho do império. Esta época acrescentou conhecimento técnico sobre o vinho que, se veio a desenvolver e a aplicar mais tarde. Os vinhos de "roda" ou de "torna viagem", que faziam longas viagens, em barricas, expostos ao sol ou submersos em água, metidos nos porões dos navios, balanceando nas ondas, passando pelo menos duas vezes o equador, ganhavam tal qualidade que se tornavam vinhos preciosos, ímpares no seu sabor, chegando a atingir preços altíssimos. Era o início do processo de envelhecimento do vinho em condições específicas, onde a região do Douro foi reveladora da melhor produção vitivinicola e a primeira do mundo a ser demarcada.

No século XIX depois da praga da filoxera que dizimou vastas áreas de vinhas Portuguesas, a produção de vinho iniciou uma gradual recuperação e no principio do século XX várias regiões vinícolas foram demarcadas. Em 1986 as regiões vinícolas foram redefinidas e novas foram criadas depois da adesão de Portugal à Comunidade Europeia.

 

 


Detalhes produto


Categoria: Tinto

Peso produto: 1.50 kg.


Comentários


  • Deli Portugal / há mais de um ano MostrarEsconder

    You can’t really go far wrong here. The wines of Portugal just go on getting better and better, and there are so many varieties to discover, as few are exported . The Douro is considered the country’s best wine region, although the Alentejo comes a close second and there is an ever-growing infrastructure of wine routes and wine tastings to help the visitor get to know the indigenous grapes. By Mary Lussiana http://bit.ly/1cIDpCj


Produtos similares


A nossa seleção de vinhos tintos de Portugal com nota de prova de 18, 5-19/20 ou 96-98/100 pontos ♦ Portugal é hoje, claramente visto como o “novo, do velho mundo...
55,30 €
A nossa seleção de vinhos tintos de Portugal com a garantia de nota de prova de 17, 5-18/20 ou 94-95/100 pontos ♦ Portugal é hoje, claramente visto como o “novo, do...
29,60 €
A nossa seleção de vinhos tintos de Portugal com a garantia de nota de prova de 16, 5-17/20 ou 91-93/100 pontos ♦ Portugal é hoje, claramente visto como o “novo, do...
19,70 €
A nossa seleção de vinhos tintos de Portugal com a garantia de nota de prova de 15, 5/20 ou 89/100 pontos ♦ Portugal é hoje, claramente visto como o “novo, do velho...
8 €