Registo  |  Pedidos  |  Login

  
  
 Imagens Carcavelos Vinho Generoso 0,75l

  • Imagens Carcavelos Vinho Generoso 0,75l
  • Imagens Carcavelos Vinho Generoso 0,75l
  • Imagens Carcavelos Vinho Generoso 0,75l
  • Imagens Carcavelos Vinho Generoso 0,75l
  • Imagens Carcavelos Vinho Generoso 0,75l
  • Imagens Carcavelos Vinho Generoso 0,75l
  • Imagens Carcavelos Vinho Generoso 0,75l
     
Pin It


Carcavelos Vinho Generoso 0,75l

Preço: 38,40 €

Disponível em 2-3 dias após o pedido

O preço inclui taxas, o preço não inclui o custo da entrega.

O Vinho de Carcavelos, é um vinho licoroso com tradição secular em Cascais e Oeiras. A sua produção foi intensamente impulsionada pelo Marquês de Pombal, Conde de Oeiras, que o cultivava na sua própria quinta. As primeiras referências a este vinho surgem em 1370, mas o seu apogeu só se verificou no século XVIII,

Estas vinhas são cultivadas actualmente no concelho de Cascais e Oeiras. É produzido em torno da freguesia de Carcavelos, o que constitui a mais pequena região vinícola de Portugal continental. A designação Carcavelos DOC é utilizada em vinhos licorosos tintos e brancos. A certificação dos DOC Carcavelos é feita pela Comissão Vitivinícola Regional de Bucelas, Carcavelos e Colares.

Em Oeiras, o Carcavelos produz-se na Estação Agronómica Nacional, em Cascais, no Vale de Caparide mais precisamente na Quinta dos Pesos – O vinho de Carcavelos desta quinta foi recentemente reconhecido com a medalha de ouro, atribuída no âmbito do Festival de Vinhos Europeus e de Enoturismo.

 

Notas de Prova
O vinho de Carcavelos caracteriza-se por sabores e aromas amendoados adquirindo um perfume acentuado pelo envelhecimento. O seu aroma é discreto e muito elegante. Sente-se a frescura na elevada acidez, é delicado com ligeiro sabor a frutos secos, meloso e salgado, deixa a boca seca mas tem um final longo e macio. 
Principais castas tintas Castelão e Preto Martinho
Principais castas brancas: Galego Dourado, Ratinho e Arinto,

Um generoso que como um vinho Moscatel, Madeira, do Pico, ou do Porto (todos produzidos em regiões demarcadas), pode servir  também de aperitivo (com um queijo picante) ou digestivo (com doces de ovos, de claras ou frutas mais doces como o ananás).

A Geografia, o clima, o solo e brisa marítima são os factores marcantes de um bom vinho de Carcavelos. Uma região que produz um Vinho Licoroso de Qualidade e tradição com direito a menção específica de "vinho generoso" particularmente porque usufrui de um clima mediterrânico temperado sem grandes oscilações de temperatura devido à proximidade do mar, instalada em terrenos calcários de declives voltados para sul, com temperaturas amenas e ventos de norte a subtraírem a humidade marítima.

Vinho de Carcavelos - Quinta dos Pesos 1991 - 0,75l

 

História
O vinho de Carcavelos chegou a integrar uma oferta de D. José I à corte de Pequim, em 1752, por ordem do Conde de Oeiras ou Marquês de Pombal,.tal era a importância deste vinho Generoso, na época. A produção total da região chegou a atingir 3.000 pipas no princípio do século XIX.. No entanto a designação de Generoso só veio posteriormente com o rei D. Carlos, em 1908. A "Quinta dos Pesos" resolveu assegurar a continuidade desta preciosidade e replantar uma vinha com as castas tradicionais que cultiva com inteira dedicação e o envelhece em cascos de carvalho para o estágio conveniente de vários anos.
Graças à sua qualidade e particularidades, este vinho iniciou o seu percurso além  fronteiras.

Mereceu ainda, elogios de ilustres portugueses e outros de todo o mundo, como o Duque de Wellington, aquando da sua estadia em Portugal comandando forças militares luso-britânicas, em defesa do exército napoleónico, em princípios do século XIX. As tropas inglesas levaram consigo o nome e a fama do Vinho de Carcavelos, tornando-o conhecido num dos maiores mercados internacionais.

No entanto, as constantes pragas vinhateiras, a falta de apoios estatais à recuperação da vinha, o desalento dos produtores, e a urbanização massiva da região de Carcavelos, ditaram a extinção quase total da produção do Vinho de Carcavelos.
Em 1997 a Câmara Municipal de Oeiras decide pela preservação da vinha existente, cerca de 5,5 hectares, plantados em 1984 e consequente recuperação da produção do vinho de Carcavelos.
Em 2001, a Câmara Municipal de Oeiras instala na Estação Agronómica Nacional, uma adega com  todo o equipamento vitivinícola necessário a um aumento da produção do vinho de Carcavelos.
No tempo do Marquês de Pombal os vinhos da sua Quinta de Oeiras que em parte está situada na actual região demarcada, eram comprados pela Companhia do Alto Douro. A Quinta do Marquês de Pombal inclui uma Adega Antiga onde está em curso um projecto de reconversão.
 


Detalhes produto


Categoria: Carcavelos

Peso produto: 1.75 kg.